Farmácia de Manipulação

.

HIDRATAÇÃO DA PELE NO INVERNO

Nesse artigo falaremos sobre os cuidados que devemos ter com a pele na estação mais fria e seca do ano. Além de negligenciarmos sua hidratação da pele nessa época, ainda criamos hábitos que podem piorar tudo.

Infelizmente, entre esses hábitos está o banho quente. Quem não gosta de tomar aquela ducha quase fervendo em dias frios?! Pois é, isso pode contribuir e muito para o ressecamento da sua pele e algumas doenças.

Isso não somos nós que estamos falando, consulte qualquer dermatologista e ouvirá dele as mesmas palavras. Por isso, resolvemos elaborar esse texto e te ajudar a prevenir problemas futuros com as pele.

Se interessou e quer saber mais?! Então continue lendo o artigo até o final e aprenda muito mais sobre a importância da hidratação da pele no inverno. Boa leitura!

 

 

Cuidados necessários no inverno

Se você é do tipo que ama frio e tudo que o envolve, como usar roupas mais elegantes e tomar banho quente, saiba que precisa tomar certos cuidados, que apesar de chatos, são necessários.

No Brasil, essa estação do ano costuma ser bem seca, ou seja, há uma acentuada redução da umidade do ar. Com isso, a pele tende a ficar mais ressecada.

Para piorar a situação, a água quente do banho junto de sabonetes e esponjas acaba retirando uma oleosidade natural e necessária para mantê-la saudável. Isso deixa-a mais propensa a agressões externas, como bactérias.

Para evitar esse quadro, adote alguns dos cuidados que listamos abaixo e mantenha você e sua pele saudáveis.

 

 

Hidratação facial e corporal

Como já mencionado no título desse artigo, a hidratação da pele no inverno é de extrema importância para mantê-la com um aspecto saudável e livre de qualquer microrganismo externo.

Não vá achando que comprar um hidratante qualquer na farmácia vai resolver. A pele do rosto é bem diferente do resto do nosso corpo. Ela é mais sensível e necessita de produtos específicos para a região dos olhos, por exemplo.

Além disso, ainda existem os diferentes níveis de oleosidade que interferem na absorção desses cremes.

As peles secas, por exemplo, se dão melhor com hidratantes mais densos feitos com ureia, aloe vera e óleo de amêndoas. Já as muito oleosas, com os géis sem óleo.

O ideal é que você recorra a esses produtos de forma manipulada, pois eles vão garantir a especificidade e concentração química necessária para o seu caso.

 

 

Doenças provocadas pela falta de hidratação da pele

  • Dermatite seborreica: causa descamação nas regiões do corpo que contêm pelos devido à desregulação sebácea. O sintoma mais comum é excesso de oleosidade nos cabelos e coceira.

 

  • Dermatite atópica: normalmente os indivíduos que possem essa doença também sofrem de asma ou rinite alérgica. A pele se torna mais grossa, áspera e com tom mais escuro.

 

  • Psoríase: doença autoimune que pode ser desencadeada por fatores psicológicos e causa descamação intensa da pele.

 

  • Ictiose vulgar: mais comum em bebês com 1 ano de vida aproximadamente. A pele fica extremamente ressecada e ocorre uma descamação fina.

 

 

Não esqueça dos lábios

Não podemos falar sobre hidratação da pele e deixar os lábios de fora. Eles também necessitam de produtos específicos por possuírem uma estrutura fina e delicada.

Dependendo do nível de ressecamento do seu lábio, passe o hidratante labial quantas vezes forem necessárias durante o dia.

Além da manteiga de cacau, existem diversas outras opções bem interessantes de forma manipulada. Veja qual se encaixa melhor no seu caso.

 

 

Realize esfoliações

As extremidades do corpo podem ser as mais prejudicadas pelo ar seco, como os pés, mãos e cotovelos.

Eles possuem naturalmente pouquíssima oleosidade e renovam constantemente suas células.

Para evitar maiores problemas, utilize um creme esfoliante a cada 15 dias nessas regiões e capriche no hidratante durante o dia.

 

 

Protetor solar também é importante

Muitas pessoas se enganam achando que o protetor solar só serve para os dias quentes do ano. A verdade é que, ao usar esse produto, estamos nos protegendo dos raios ultravioleta do sol, que estão presentes todo dia e em toda estação.

Esses raios unidos a baixa umidade do ar no inverno podem potencializar o ressecamento de toda sua pele. Portanto, não os dispense mesmo nos dias mais frio!

 

 

Vá com calma nos banhos quentes

Sabemos que é praticamente impossível encarar um banho gelado quando as temperaturas caem, mas tente ao menor deixar a água morna em vez de quente nesse momento.

Você pode também reduzir o tempo debaixo do chuveiro e dar preferência a sabonetes que possuem hidratantes em sua composição como um cuidado a mais.

 

 

Melhore sua alimentação

Talvez você não saiba, mas existem certos tipos de alimentos que podem te ajudar a deixar sua pele mais saudável.

A soja, por exemplo, pode ser um importante aliado para evitar o ressecamento devido a um componente chamado isoflavona. Ele é responsável por não deixar a água do seu corpo ir embora.

E uma boa notícia: o chocolate é um dos alimentos que devem ser consumidos durante o frio! Ele é fonte de flavonoides, substâncias antioxidantes que preservam a saúde da pele.

 

 

Tome mais água

Por último e não menos importante: beba muita água! Sabemos que durante o inverno, a tendência é termos menos sede. Mas isso não significa que seu corpo – e sua pele – não esteja precisando dela para se manter hidratado.

Afinal, pense bem: nossa composição corporal é 70% feita de água! Precisamos dela para todos os processos fisiológicos importantes, inclusive para manter a qualidade da pele.

A recomendação é que se tome no mínimo 30 a 50 mL de água por cada quilo corporal. Portanto, se você pesa 60 quilos, fique entre 1.800 a 3.000 mL diariamente!

 

 

Conclusão

Podemos concluir que a hidratação da pele no inverno é fundamental para a prevenção das doenças citadas no decorrer do artigo e para mantê-la com um aspecto saudável e bonito.

Conte conosco da Físico Farma para lhe produtos manipulados específicos para sua pele e com uma matéria-prima da melhor qualidade.

Se esse artigo foi útil para você ou se ainda possui alguma dúvida sobre o assunto, não deixe de nos falar. Será um prazer poder ajudar!

 


 

Gostou do texto de hoje? Quer saber mais sobre assuntos como este? Continue a me acompanhar por aqui,no blog, me siga no Instagram e curta a minha página no facebook!

Tem dúvidas relacionadas ao mundo dos fármacos? Fale conosco, será um prazer te ajudar! Até o próximo texto!

Everton F. D. Col

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De volta ao topo