Farmácia de Manipulação

.

Tadalafila no Tratamento da Disfunção Erétil

As relações sexuais estão mais presentes na vida da população do que se pode imaginas, apenas 4,9% dos homens dizem que não tem uma ida sexual ativa, segundo uma pesquisa feita Fiocruz.

Neste estudo também foi possível afirmar que, com o passar dos anos a insatisfação sexual vai chegando, causando mais infelicidade no campo. Para os homens alguns fatores são responsáveis por isso.

Para que você entenda mais sobre um destes fatores, no texto de hoje eu conversarei com você sobre a disfunção erétil e sobre como a Tadalafila pode te ajudar.

 

O que é disfunção erétil?

Este nome é bastante conhecido, entretanto, para quem não sofre da doença pode ser um pouco difícil entender do que se trata.

A disfunção erétil nada mais é do que a incapacidade que o homem tem de manter uma ereção para que um encontro sexual ocorra. Para ser caracterizada como esta patologia deve ocorrer em, pelo menos, 50% das vezes.

Segundo um estudo da Fiocruz do ano de 2002, uma pesquisa feita com 2.835 pessoas, onde 47% eram homens, a disfunção erétil foi citada como a disfunção que mais interfere no desempenho sexual.

Esta disfunção pode ter múltiplos motivos, saiba um pouco mais sobre alguns deles a seguir.

 

Doenças cardiovasculares

As doenças cardíacas ofertam um risco grande para a vida de quem as tem, para os homens elas também podem atrapalhar o desempenho sexual.

Para que ocorra a ereção, é preciso que o sangue seja bombeado para o pênis e as doenças cardíacas podem fazer com que este sangue não chegue com a mesma pressão ou apenas não chegue até o membro.

Sintomas como o colesterol alto e a hipertensão podem influenciar bastante, é importante lembrar-se sempre que, as doenças cardíacas são um dos maiores motivos ligados a morte de homens.

 

Obesidade

Com toda a alimentação disponível de forma rápida que temos atualmente, a obesidade se tornou cada vez mais popular, trazendo consigo problemas de saúde como a disfunção erétil.

Estar a cima do peso ou o ganho de peso gradual ou repentino pode fazer com que a esta disfunção seja real, isto graças a menor disponibilidade óxido nítrico no corpo.

Ele é essencial para que ereções sejam criadas através do fluxo sanguíneo, assim se torna mais complicado de tê-las.

Por isso é importante se levantar da cama e do sofá, deixar os smartphones e vídeo games de lado e ir em busca de atividades físicas, para prevenir diversas doenças e este tipo de disfunção.

 

Diabetes

Atualmente a diabetes não e tão difícil de ser encontrada, pode ser vista em homens e em mulheres de diferentes idades, mas o fato é que, graças a ela pode ser difícil manter uma ereção.

A diabetes pode causar danos nervosos, podendo fazer com estes sejam a causa dessa disfunção, assim como distúrbios como o diabetes tipo 2 e problemas de regulação hormonal podem levar um homem a ter problemas de ereção.

 

Desiquilíbrio hormonal

A testosterona é um dos hormônios masculinos mais conhecidos, ele é responsável por ações desde o crescimento do pelo no corpo, até as ereções masculinas.

A falta de alguns hormônios, como da testosterona, pode causar uma a sensação de fadiga, estresse, depressão e a diminuição por relações sexuais, por exemplo.

 

Problemas psicológicos

Na última década a saúde mental ganhou ainda mais força, mostrando para as pessoas a sua importância, não só no âmbito psicológico, mas também no físico.

É possível que problemas como ansiedade, depressão e estresse possam afetar o funcionamento do seu corpo, alterando os níveis hormonais e gerando sérias consequências.

Estes problemas podem ser a causa ou podem impulsionar a causa do problema, fazendo com que a sua vida sexual sofra também.

Estes foram alguns dos motivos que podem levar um homem a ter disfunção erétil. Seria bom conhecer um medicamento para te ajudar com isso, não é mesmo? Pois então, conheça a seguir o Tadalafila!

 

O que é o Tadalafila?

O Tadalafila se trata de um medicamento para tratar a dificuldade que um homem pode ter de ter uma ereção ou de mantê-la. Este medicamento funciona através de um estímulo que causa a excitação.

Com a excitação, a ereção ocorre e com a diminuição do fluxo de sangue no membro, após o fim da relação, o pênis volta ao normal.

Este medicamento pode começar a agir até 30 minutos depois de ingerido, tendo uma sobrevida no organismo de 36 horas.

 

Em suma, para que serve o Tadalafila?

Este medicamento serve para ajudar na melhora da disfunção erétil, além de diminuir os sintomas da hiperplasia prostática benigna, mais conhecida como (HPB).

A hiperplasia prostática benigna se trata de um aumento benigno da próstata, sendo considerado um problema urinário, geralmente com faixa etária superior aos 50 anos de idade.

O fato é que, esta doença diminui a qualidade de vida, graças ao desconforto que pode causar. É comum afetar homens com mais de 70 anos, mas a sua causa exata ainda não foi descoberta.

 

Como o Tadalafila age no corpo?

Para que você entenda por que ele funciona para resolver o seu problema primeiramente é essencial que você saiba como o medicamento age no corpo.

Tadalafila se trata de um medicamento que funciona como um inibidor de enzimas responsáveis por acabar com a substância Monofosfato de guanosina cíclico.

Em outra época, quando o homem não tem problemas de disfunção erétil, o Monofosfato de guanosina cíclico, fazendo com que o músculo do membro relaxe após o ato sexual.

Com a diminuição da degradação, graças ao consumo do Tadalafila, é possível reestabelecer a funcionalidade erétil. Contudo, como falamos, caso não haja estímulos para gerar a excitação, ela não ocorrerá de forma espontânea.

 

Quanto tempo o medicamento fica no organismo?

 A Tadalafila tem meia vida útil que pode ir das 17 horas, chegando as 36 horas. Caso uma relação sexual ocorra neste tempo, não há a necessidade de ingerir mais medicamentos com esta intenção.

 

Este medicamento é confiável?

Para medir a funcionalidade do medicamento e a sua efetividade, foram feitos seis estudos clínicos que tinham como voluntários homens que sofriam com a disfunção erétil.

Para garantir a eficácia, todos os estudos foram comparados com a aplicação de placebo.

O pré-requisito para ter sucesso era que, o homem que ingerisse o medicamento deveria ter a ereção e mantê-la, para registrar a experiência dos participantes foram utilizados questionários.

Os voluntários que sofriam de disfunção erétil relataram melhoras ao ingerir doses de 2,5 ou de 5 mg ao dia, sendo mais eficaz que o placebo.

Como sabemos, este medicamento também mostra eficiência na hiperplasia prostática benigna, 4 estudos também foram feitos e o principal parâmetro de sucesso foi saber sobre a melhora dos sintomas dentro de 12 semanas.

 

Segurança

Para que um medicamento seja lançado no mercado, este passa por uma série de testes que tem a intenção de garantir a segurança do usuário, com o Tadalafila não poderia ser diferente.

No estudo de comprovação foram feitos estudos, alguns homem se trataram por 1 ano e já outro se trataram por 6 meses. Junto com as vantagens, alguns efeitos colaterais foram notados.

 

Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais são eventos adversos que podem surgir graças ao funcionamento de cada corpo, que é diferente.

Dores de cabeça acometeram igual ou mais de 10% das pessoas que realizaram os testes, sendo considerado um fator muito comum.

Dores na lombar, tontura, desconforto digestivo, rubor facial, dor muscular e congestão nasal acometeram um valor igual ou superior a 1%, podendo chegar a 10%, sendo assim considerado como comum.

O aumento do fluxo sanguíneo em alguns órgãos, dor no olho e inchaço nas pálpebras foram tidos como eventos raros, acometendo apenas um valor igual ou superior a 0,1%, podendo chegar até 1%.

Após a comercialização surgiram efeitos colaterais como urticária, erupção cutânea e dermatite esfoliativa no corpo todo.

Para a parte cardiovascular e cerebrovascular, surgiram efeitos como morte súbita, infarto, acidente vascular cerebral, dor torácica e palpitações, por exemplo.

É importante ressaltar que, as pessoas eu se queixaram deste sintoma já sofriam de doenças cardiovasculares pré existentes.

 

Existe contraindicação para o uso do Tadalafila?

Este medicamento tem a contraindicação de consumo por pessoas que apresentem hipersensibilidade as substâncias que compõem o medicamento, além de não ser indicado para pessoas que perderam a visão por conta do fluxo sanguíneo.

Também é contraindicado a ingestão deste medicamento por pessoas que tomem nitrato, medicamentos para um forte dor torácica conhecida como angina.

Este medicamento também é contraindicado para pessoas que sofreram um acidente vascular cerebral a menos de seis meses e para pessoas que sofreram um ataque cardíaco a menos de seis meses.

Homens que tenham problemas de pressão alta ou insuficiência cardíaca devem evitar tomar o Tadalafila, pois o estudo não abrangeu esta classe.

O uso deste medicamento é exclusivo por pessoas que tenham disfunção erétil e hiperplasia prostática benigna.

Homens que tomem propatilnitrato, isossorbida, nitroglicerina e dinitrato de isossorbitol não podem ingerir este medicamento.

Observe também que, a ingestão de substâncias como hidróxido de magnésio e de alumínio podem fazer com que a Tadalafila não seja bem absorvida.

 

TadalafilaPara disfunção erétil

Tendo uma média, a partir de estudos, a dosagem recomendada de Tadalafil vai desde 2,5 até 20 mg, variando de acordo com a necessidade de uso.

Por exemplo, pessoas que utilizam este medicamento para tratar disfunção erétil é recomendada a ingestão de 10 mg, pelo menos 30 minutos antes do ato sexual.

É recomendado que este medicamento seja tomado uma única vez ao dia, tendo em vista que, a sai vida útil no organismo pode chegar até a 36 horas. Não esqueça que, para tratar disfunção erétil não é recomendado o uso diário.

Para os homens que pretendem utilizar o medicamento até 2 vezes por semana, é recomendado um consumo reduzido da dose, podendo ser de 5 mg, ou até de 2,5 mg, depende da recomendação médica.

 

Para hiperplasia prostática benigna

Para homens que sofrem com hiperplasia prostática benigna e até mesmo com a HPB e a disfunção erétil, a dose indicada é de 5 mg diariamente.

É válido salientar que, caso você sofra de problemas renais sérios, não é recomendado o consumo de mais de 10 mg por dia, para que não agrave o problema renal.

Para as pessoas que tem problemas hepáticos, a Tadalafila só deve ser prescrita após uma observação cuidadosa e a dose deve ser reavaliada sempre que possível!

 

Como ingerir?

Este medicamento pode ser feito através da via oral ou através da aplicação na pele, para que a circulação sanguínea absorva o medicamento, esta modalidade é conhecida comovia transdérmica.

Contudo, este tipo de ingestão diferente deve ser feito a penas com a recomendação médica.

Em caso de ingestão de super quantidade, é recomendado que você vá ate o pronto socorro mais próximo, pois a ingestão de grande número de comprimidos pode trazer complicações sérias a saúde.

 

Como guardar este medicamento?

A Tadalafila deve ser guardada em local seco, que não haja umidade, ventilado e sem a luz solar. É importante também guardar longe do alcance das crianças, mas caso haja ingestão, leve a criança até o pronto socorro com urgência.

 

Conclusão

No texto de hoje eu conversei com você sobre disfunção erétil e sobre como a Tadalafila pode te ajudar nesta situação, podem ajudar também portadores de hiperplasia prostática benigna, ajudando a melhorar a qualidade de vida.

Este medicamento tem ligação diretamente com a corrente sanguínea e com o funcionamento do sistema vascular, por isso, evite tomá-lo sem que tenha havido uma recomendação médica

Além disso, com a visita ao médico o seu caso pode ser melhor estudado, ofertando uma quantia correta para que haja a evolução do seu quadro de forma rápida e segura!

Gostou do texto de hoje? Quer saber mais sobre assuntos como este? Continue a me acompanhar nosso blog, me siga no Instagram e curta a minha página no facebook!

Tem dúvidas relacionadas ao mundo dos fármacos? Fale conosco, será um prazer te ajudar! Até o próximo texto!

Everton F. D. Col

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

De volta ao topo